E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

STF ganha selo de conta verificada no Twitter

Por: Editorial IOB Concursos
23/10/2012

Com quase 300 mil seguidores, a conta do Supremo Tribunal Federal (STF) no Twitter (@stf_oficial) foi validada, no dia 19 de outubro, com o certificado de verificação do microblog, o chamado Verified Accounts – concedido a pessoas ou marcas notáveis, que possuem relevância na rede. Criado em 2009 para comprovar que determinado perfil é verdadeiro, o selo azul ao lado da foto do perfil é um método usado para distinguir contas oficiais de contas falsas.
 
Músicos, atletas, atores, políticos e órgãos públicos são os principais alvos do programa de verificação de contas, a fim de que os verdadeiros perfis sejam reconhecidos na internet para que os seguidores possam encontrar fontes de alta qualidade de informação e identificar a legitimidade e autoria dos tweets publicados.
 
Perfil STF

Lançada no dia 1º de dezembro de 2009, a página do STF no Twitter atingiu o grau máximo de influência (grau 100) no microblog em apenas um ano, segundo informações obtidas por meio do aplicativo Twittergrader. O Twitter do STF recebe, em média, sete mil adesões por mês, mas quando se aproxima algum julgamento de grande repercussão, esse número se eleva.
 
Sessões plenárias e decisões da Suprema Corte brasileira são consideradas de maior interesse e relevância pelo público, que contribui diariamente para colocar o STF entre as instituições de maior influência e popularidade no microblog. Os internautas já utilizaram o Twitter para acompanhar decisões como as que discutiram o direito dos casais homoafetivos à união estável, a extradição do ex-ativista italiano Cesare Battisti, a aplicação ou não da Lei da Ficha Limpa às eleições de 2010 e a constitucionalidade de manifestações em favor da descriminalização da maconha, entre outras.
 
Atualmente, com o julgamento da Ação Penal 470, o perfil do STF tem conquistado mais seguidores, além de entrar com frequência nos TTs (Trending Topics) – assuntos que ganham popularidade com rapidez no Twitter.

Fonte: site do STF

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar