E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Conheça os mitos do aprendizado

Por: Editorial IOB Concursos
02/10/2014


O ensino a distância é um grande aliado no desenvolvimento de carreira e na preparação para concursos públicos. Dúvidas sobre como memorizar um tema, sempre foram frequentes entre os estudantes, e há quem ainda acredite em mitos da memorização.

Empenho e motivação devem ser precedidos da palavra decisão. Em primeira análise, o aluno precisa decidir o que quer ser, ter ou fazer e em quanto tempo. Assim, a visualização futura do objetivo em função da decisão tomada é o maior fator motivacional.

Segundo Luiz Antônio de Castro Mattos, trainer e executive coach da SBCoaching, decorar um assunto não é uma técnica de aprendizagem eficiente e o conhecimento deve ser construído. “Eu defendo pensamento de Paulo Freire, onde o verdadeiro aprendizado se dá a partir do momento em que o docente cria um ambiente propício para que o aluno construa seu próprio conhecimento; portanto, o assunto não deve ser decorado, mas sim o conhecimento deve ser construído”, afirma Luiz.

Como forma de aprender melhor, é importante montar uma rotina de estudos marcada por assuntos que são prioridades. Uma alimentação saudável, de preferência frutas vermelhas e legumes, uma boa noite de sono e muito líquido de preferência água é o início para quem necessita de estratégias de memorização. “As técnicas específicas podem variar de pessoa para pessoa. Particularmente eu gosto muito de áudio books ou gravar minha própria voz para estudo”, destaca Mattos.


A motivação nos estudos se mantém com base na elevação da consciência do estudante e suas consequências positivas, sempre com um objetivo em mente, não o de apenas obter um diploma, aconselha Luiz. “No meu ponto de vista, os fatores determinantes são foco, determinação e dedicação”, conclui.



Método Paulo Freire

O educador Paulo Freire criticava o método de alfabetização que limita os estudantes a fazerem decoração de letras e sílabas e juntá-las para formar pequenas frases. O método Paulo Freire consiste numa proposta de alfabetização que estimula a educação de adultos mediante a discussão de suas experiências de vida entre si, os participantes da mesma experiência, através de palavras geradoras da realidade dos alunos, que é decodificada para a aquisição da palavra escrita e da compreensão do mundo.

 

 

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar