E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Concursos Federais aceleram pedidos para abertura de oportunidades

Por: Daniel Fernandes
30/05/2017
concursos federais

Para quem está se preparando para os concursos federais, é melhor ficar atento. Contrariando as expectativas, alguns órgãos da esfera federal começam a acelerar os preparativos para seus próximos concursos públicos, um dos motivos é a defasagem de servidores para os principais cargos.

 

> Os melhores concursos públicos previstos para 2017

> Tabela de Concursos Abertos

> Conheça o perfil das 6 grandes bancas examinadoras de concursos públicos

 

Concurso do MPU para Nível Médio

O Ministério Público da União iniciou, oficialmente, os preparativos do concurso para técnico administrativo, com remuneração de R$ 7 mil para nível médio e analista de Direito, para graduados com salário inicial de R$ 11 mil. Os responsáveis pela seleção já se reuniram e a banca organizadora deve ser definida em breve e, em seguida a publicação do edital.

 

Concurso dos Correios

Para surpresa de muitos, os Correios anunciaram a realização de concurso para área de segurança e medicina do trabalho. De acordo com a empresa, a seleção contará com vagas em todas as unidades da federação, com exceção do Mato Grosso. As inscrições estão previstas já para este mês, somente pela internet. A banca organizadora será o Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades), com isso o edital deverá ser publicado em breve com os requisitos e remunerações.


Concurso do Ibama

Recentemente, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente encaminhou ao Ministério do Meio Ambiente solicitação de um novo concurso. O documento solicitou 849 vagas em todos os cargos, incluindo o de técnico administrativo, de nível médio. Para nível superior, foram solicitadas 500 vagas para analista ambiental e 180 para analista administrativo.

Concurso IBGE 2017

O IBGE abriu seleção para seleção de mais de 25 mil vagas temporárias (veja mais detalhes aqui).

Recentemente, em entrevista, o coordenador de Recursos Humanos do Instituto, Bruno Malheiros, afirmou que, até o final do ano, o Concurso IBGE 2018 será solicitado para efetivos. Serão vagas de nível médio e superior.

Segundo Malheiros, o quadro do IBGE vem diminuindo muito, por isso a necessidade da solicitação de novo concurso.

 

Concurso Receita Federal

Já é oficial. O pedido de concursos do Ministério da Fazenda já foi encaminhado ao Ministério do Planejamento. Com o objetivo de garantir maiores chances de autorização, a Receita Federal deve solicitar vagas para assistente técnico-administrativo, de nível médio, e analista técnico-administrativo, de nível superior.

 

Concurso Polícia Federal
A PF solicita somente que o Planejamento confirme a verba para preenchimento de vagas para agente, escrivão, delegado e perito da Polícia Federal. Das mais de 1.700 vagas que a PF pretende preencher, 600 são de agente, 600 de escrivão, 491 de delegado e 67 de perito.

O número não cumpre com as expectativas, pois, segundo a Federação Nacional dos Policiais Federais, somente no cargo de agente seriam necessários mais 6 mil policiais. Os cargos de agente e escrivão têm requisito de ensino superior completo em qualquer área e habilitação na categoria B ou superior. Para delegado, a exigência é o bacharelado em Direito, além de três anos de experiência em atividade jurídica ou policial. Para perito, a formação superior necessária varia conforme a área. Em ambos os casos, também é preciso ter a carteira de habilitação.

 

INSS deve solicitar novo concurso público
O Instituto Nacional do Seguro Social precisa encaminhar seu novo pedido de concurso público ainda esse mês para o MPOG. A pretensão é que o edital do seja publicado no decorrer de 2018. Acontece que ainda há carência de pessoal, independente do último concurso realizado em 2015. Tanto que no ano passado o órgão chegou a encaminhar uma nova solicitação, não contemplada, para o preenchimento de 7.051 postos em 2017. A expectativa é de que ao menos esse pedido seja reencaminhado.

 

Atualmente o órgão conta com uma carência de nada menos do que 19.221 servidores, sendo 12.142 somente para o cargo de técnico do seguro social, carreira que estava contemplada no último pedido encaminhado ao MPOG, em 2016.

 

De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério do Trabalho e Previdência Social (MPTS), na ocasião, foram solicitadas 3.627 vagas para a carreira de técnico (ensino médio) e a remuneração inicial da categoria é de R$ 5.344,87, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458.

 

As demais oportunidades da última solicitação foram para os cargos de analista do seguro social, com 1.894 postos, e perito médico previdenciário, com 1.530. Neste caso é necessário formação superior em diversas áreas, incluindo serviço social, administração, engenharia, direito, pedagogia, psicologia, comunicação, ciências sociais, arquitetura e letras, entre outras. A remuneração inicial é de R$ 7.954,09, já considerando o benefício.

 

 

Por fim, para o cargo de perito médico previdenciário, os interessados devem possuir graduação em medicina e registro no respectivo conselho regional. O inicial do cargo é de R$ 8.988,41, também com o benefício.

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar