E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Concurso TRT 6ª Região 2016: projeto cria 128 vagas de níveis médio e superior

Por: Vanessa Cagliari
18/07/2016
 

Os concurseiros que pretendem ingressar na área judiciária devem começar a se preparar com antecedência. Isso porque a Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei 2641/2015 que cria 128 vagas para o concurso do TRT da 6ª Região (Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região), que abrange o estado de Pernambuco.

 

 

Do total de oportunidades, 87 são reservadas para o cargo de analista judiciário, que requisita formação superior; e 41 para a carreira técnico judiciário, com exigência de ensino médio completo. As remunerações atuais dos cargos estão fixadas em R$ 6.611,39 e R$ 4.052,96, respectivamente.

 

 

No caso de analista judiciário, as especialidades contempladas no projeto são para as áreas administrativa (42), judiciária (07), apoio especializado-arquitetura (3), apoio especializado-arquivologia (2), apoio especializado-comunicação social (3), apoio especializado-engenharia (1), apoio especializado-engenharia civil (6), apoio especializado-engenharia elétrica (2), apoio especializado-estatística (1), apoio especializado-historiador (1), apoio especializado-enfermagem (2), apoio especializado-fisioterapeuta (4), apoio especializado-medicina clínica geral (2), apoio especializado-medicina do trabalho (2), apoio especializado-psiquiatria (2), apoio especializado-odontologia (3), apoio especializado-psicologia clínica (2), e apoio especializado-serviço social (2).

 

 

Em relação à carreira de técnico judiciário, do total de vagas, 40 são reservadas para a especialidade administrativa, e 01 para a área de apoio especializado-enfermagem.


 

Sobre o projeto

No dia 09 de maio, a proposta foi devolvida ao relator deputado Fernando Monteiro (PP/PE), na Comissão de Finanças e Tributação, para atualização orçamentária. O PL estava parado na comissão desde 06 de outubro do ano passado quando recebeu voto favorável do relator, considerando a compatibilidade e adequação financeira e orçamentária. Agora, a expectativa é de que a análise do processo seja retomada.

 

 

Devido à demora no andamento do projeto de lei, a presidente do órgão e desembargadora Gisane Barbosa de Araújo, encaminhou um ofício para a Câmara, reivindicando a aprovação da proposta. Segundo Gisane, o TRT da 6ª Região ocupa o segundo maior índice de produtividade comparada da Justiça do Trabalho, com índice de 92,9%; e o terceiro lugar entre os tribunais, em número de casos iniciados em 2014, totalizando 164.995 casos.

 

 

Após o PL 2641/2015 ser analisado pela Comissão de Finanças e Tributação, o documento, que tramita em regime de prioridade, passará pela Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania para depois ser votado em plenário. Segundo a justificativa do documento, o projeto de lei busca melhorar a estrutura e minimizar a defasagem de servidores existente atualmente no âmbito da jurisdição trabalhista do Estado de Pernambuco para o atingimento das metas estipuladas pelo Conselho Nacional de Justiça.

 

 

 

Último concurso do TRT da 6ª Região

O último concurso público do TRT da 6ª Região para os cargos de técnico e analista foi aplicado em 2012 e foi organizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC). Com uma oferta de 64 vagas mais formação de cadastro de reserva, o certame foi formado por provas objetivas e discursivas, prova prática e teste de aptidão física.

 

 

Conheça os cursos online de Técnico Judiciário - Área Administrativa e Analista Judiciário - Área Judiciária do TRT 6ª Região, com conteúdo ajustado aos editais de concursos anteriores.


 

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar