E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Bate-papo com o orientador - Fernando Chavarelli

Por: Editorial IOB Concursos
01/04/2015
 

orientadorConhecer mais sobre a instituição é um fator crucial quando se adquire um produto ou serviço, por isso resolvemos mostrar um pouco mais sobre um de nossos setores mais importantes, o pós-vendas.

 

Seguindo a série “Bate-papo com o orientador”, hoje veremos a conversa com Fernando Chavarelli, que além de orientador também presta suporte técnico aos nossos alunos há mais de um ano.

 

O suporte técnico prestado por Fernando consiste em oferecer um atendimento específico para alunos que tem dificuldades técnicas com acesso ao curso.

 

IOB Concursos - Como você trata o fato de prestar um atendimento individualizado?

Fernando - Sendo o objetivo de todos praticamente o mesmo, passar em um concurso, o que é um sonho, nós fornecemos a possiblidade de realiza-lo, portanto cada aluno terá o seu curso individualizado.

 

IOB Concursos - A melhor forma de tratar os alunos, tanto como orientador ou como suporte, é formal ou informal?

Fernando - Informal, dentro da cordialidade que a função exige, no caso do papel de orientador, pois acabamos construindo um relacionamento próximo, porque falamos com eles sempre e até dividimos um pouco da rotina, então o relacionamento acaba sendo mais próximo.

Como suporte procuro ser mais formal, pois não lido somente com os meus alunos, mas com os de todos os orientadores. Como se trata de suporte, a informação tem que ser clara e objetiva, por isso procuro deixar aluno e orientador bem instruídos.

 

IOB Concursos - Falando no suporte técnico... E quando você atende um aluno que está com problemas para acessar o curso, as vezes isso pode desmotivar, como você atende este aluno?

Fernando - O problema técnico nem desmotiva tanto, mas tira a concentração dos alunos e isso faz com que ele perca o foco nos estudos. Mais de 90% dos problemas que trato não está nem relacionado ao nosso curso, mas ao computador ou conexão do aluno e quando conseguimos provar à ele através de acesso remoto e tudo mais, acaba ocorrendo um pouco de chateação, mas acaba entendendo.

 

IOB Concursos - Como você costuma contornar as famosas “desculpas para não estudar”?

Fernando - Acredito que a falta de tempo é causada por problemas pessoais e isso muitas vezes é complexo, porque todos temos contratempos, então oriento a suspensão do curso, que consiste em uma pausa (literalmente) do curso por algumas semanas até que o aluno consiga voltar a estudar. Oriento que neste período ele resolva seus impasses e volte a estudar com mais objetivo, todos precisamos de um tempo as vezes.

 

IOB Concursos - Sobre o suporte técnico que você presta, qual é o tipo de problema mais comum, já que você disse que em mais de 90% dos casos o empecilho está com o aluno e não com nossas aulas.

Fernando - Temos três problemas mais comuns:

1 - Quando o antivírus bloqueia os sites em formato “https” que seria o nosso e mais alguns outros, como o da Receita federal, por exemplo. Neste caso somente reconfiguramos esta proteção do antivírus.

2 - Quando o aluno tenta assistir a aula do trabalho, mas o IP do site é bloqueado. Neste caso ele pode pedir a liberação do TI da empresa onde trabalha.

3 - E quando não são atualizados os “plug-ins” do navegador, os mais comuns são o Flash Player e o Java, nossa plataforma toda é neste formato, então apenas seguimos os passos para atualiza-los com os alunos.

 

IOB Concursos - Como orientador e suporte técnico, qual foi o fato mais inusitado que tratou?

Fernando - Tive contato com um aluno por algumas vezes por conta de sua reclamação sobre o site não carregar a página principal, então quando verificamos o roteador da internet dele, o mesmo estava desligado e o problema era que estava desconectado da internet.

 

IOB Concursos - Aproveitando toda sua experiência, não somente como orientador mas como suporte técnico também, qual mensagem você deixaria aos alunos?

Fernando - Comece sempre com calma, nunca chegue com ansiedade ao pensar que o primeiro concurso a prestar vai obter êxito, acontece mesmo um caso ou outro de alunos passarem de primeira, mas quando se coloca muita expectativa ou confiança demais e o aluno não passa a tendência é o desestimulo, então saiba que passar em um concurso envolve algum tempo de estudo e muita paciência. Persista, este é o segredo!

Além disso como suporte, recomendo que antes de recorrer a qualquer outro tipo de canal que temos entrar em contato com o orientador, pois ele deve ser sua referência aqui, ele pode direcionar ou resolver suas dúvidas, somos treinados para isso.

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar