E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

Aprovadas no Concurso do INSS 2016 revelam seus segredos

Por: Vanessa Cagliari
17/08/2016
Aprovados INSS 


O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) realiza um dos concursos públicos mais concorridos do Brasil. Só para ter uma ideia, no concurso do INSS 2016 mais de 1 milhão de pessoas disputaram por uma das 950 vagas oferecidas pelo órgão. Não é para menos, uma vez que são muitas as vantagens oferecidas pelos cargos de técnico e analista, como salários atraentes, estabilidade, gratificação de desempenho, crescimento profissional, plano de saúde, etc.

 

 

Outro ponto que chama atenção nesse concurso é o sistema de avaliação da banca organizadora, Cespe, que se destaca pelo método “uma errada anula uma certa”, deixando muitos candidatos apreensivos e até desmotivados. Se o candidato “chuta” uma alternativa, sem ter certeza de sua escolha, caso esteja incorreto, um ponto é subtraído e, a cada erro, uma resposta certa é anulada.

 

 

Mas, motivação não foi o que faltou para as candidatas aprovadas no INSS, Adriane Lazzarotto e Maria das Graças Pereira Gomes, que concorreram ao cargo de técnico do seguro social e se dedicaram intensamente aos estudos para conquistar a aprovação.

 

 

A bióloga e graduanda em Direito, Maria das Graças foi aprovada no INSS na cidade de Juazeiro, na Bahia. “Desde 2013 coloquei uma meta de passar em um concurso público, já fiz alguns cursos presenciais e não tinha bons rendimentos nas provas”, conta Maria.

A estudante de Direito trabalhava quase o dia inteiro, perdia muito tempo no trânsito no trajeto para a faculdade, então veio o desemprego e resolveu investir em um curso online. “Somente ao acessar o curso do IOB Concursos com aulas de até 15 minutos, percebi que era um suprimento para a minha faculdade, e, consequentemente, fui conhecendo os outros cursos de forma gratuita que me levaram a focar na área dos tribunais. Fiz vários concursos sem sucesso, apenas ficando nas classificações excedentes. Agora ao sair a primeira lista do INSS, tive a felicidade de ver meu nome como aprovada”, relata.

 

 

Sobre as videoaulas do IOB Concursos, ela conta que os conhecimentos estão ampliando sua aprendizagem, além das disciplinas de Direito do Trabalho e Direito Civil, pois não tinha nenhum conhecimento nessa área. “A preparação está na metodologia que a plataforma proporciona: o estudo a partir do cronograma que deve ser seguido diariamente, e a avaliação com quiz de questões e simulados. Gosto da motivação a cada aula do professor Alexandre Salim. O orientador de estudos também auxilia pela sua atenção e resolução rápida de eventuais problemas no site”, destaca.

 

 

Já a assessora administrativa do município de Bento Gonçalves-RS, Adriane Lazzarotto, no início do segundo semestre de 2015, tomou a decisão de buscar ingresso no INSS, área que sempre a atraiu. Atuando na área de assistência social desde 2013, no envolvimento com o seu trabalho e estudando o universo da Seguridade Social, se identificou muito com os temas afins do cargo de técnico do INSS.

 

 

“Ciente do desafio de um concurso deste porte e com bancas como o Cespe, o primeiro passo foi buscar material qualificado. Matriculei-me no curso preparatório do IOB Concursos e pude sair da esfera do conhecimento de mundo e internalizar uma base de conhecimento organizado para a prova, que é uma das grandes dificuldades dos concurseiros. Muitas vezes, a não aprovação não se dá por falta de conhecimento dos temas, mas por uma estrutura desorganizada”, pontua Adriane.

 

 

Em relação aos orientadores, a assessora encontrou um diferencial na didática de trabalho que a fez superar algumas defasagens, especialmente na disciplina de Raciocínio Lógico. “Segui dicas de professores e fiz o melhor aproveitamento possível do material. Houve cansaço, conflitos com família e escolhas difíceis.  Ter a terceira melhor nota não só me coloca com reais expectativas para o meu futuro, mas também comprova que o prêmio pelo esforço sempre está lá, mesmo que às vezes demore um pouco”, afirma.

 

 

Com o objetivo de incentivar a dedicação aos estudos preparatórios para concurso, Adriane aconselha que determinado o foco, o candidato precisa de suporte de estudo profissional, que o conduza de forma organizada. “O material didático adequado e a orientação são determinantes. Estudar para uma prova requer perseverança e organização de vida, mas o mais importante é ter certeza de que é possível sim”, conclui.

 

Invista na carreira pública. Estude com os cursos online para concursos públicos 2016 do IOB Concursos, para nível médio e nível superior. Clique aqui e experimente nossa metodologia de ensino, gratuitamente.

 

 

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar