E-mail/Senha incorreto. ×

ESQUECEU SUA SENHA?

Não se preocupe. Basta informar o e-mail que você usou para se cadastrar em nosso site.

A crise econômica X Concursos públicos

Por: Editorial IOB Concursos
01/04/2015
crise concursos publicos

 Não se pode negar que o governo está muito preocupado em atingir o superávit primário conforme o esperado e, para isso, está fazendo alguns cortes de gastos, mas não se preocupe, pois essa “crise” deve acabar já no início do segundo semestre, dizem os especialistas econômicos.

 

Não podemos encarar essa situação como totalmente ruim, pois os “concurseiros de plantão” terão mais tempo para estudar para os concursos mais esperados e, com isso, adquirir mais chances de aprovação.

 

Concursos como o do Ministério da Fazenda, por exemplo, já está em trâmite de aprovação no MPOG, com pedido de 3.500 vagas, sendo 3.000 somente para técnico. A Receita Federal também já anunciou que vai abrir vagas e iniciar a convocação ainda em 2015, mesmo sem nenhuma precisão de quantidade de vagas, o processo de autorização também consta em trâmite no Ministério do Planejamento.

 

Na área de segurança, a Polícia Federal também já anunciou a abertura de 558 vagas para os cargos de delegado e perito criminal. A boa notícia é que este órgão não depende mais da autorização do MPOG, ou seja, quando atingir a necessidade de 5% do total de servidores já poderá dar andamento ao processo.

 

Mesmo com todas as notícias sobre crises econômicas, os concursos não cessaram, pois certames como o do MP SP, lançado recentemente, encerrou as inscrições na data de ontem (31/03/2015) e outros como TRF 1ª região está com inscrições abertas até o dia 28/04/2015.

 

Não há motivos para preocupações ou para deixar de estudar, pelo contrário, começar a estudar antes do edital dará mais tempo e tranquilidade!

 

Bons estudos! 

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.

Deseja mesmo encerrar esse chat?


Motivo:


Encerrar Cancelar